quinta-feira, 16 de maio de 2024

Desenrola voltado para microempresa e pequenas empresas

 


By Equipe CEDRUS - 29/04/2024


No dia 22 de abril, o governo lançou o programa para negociação de dívidas de micro e pequenas empresas. Como foco em dívidas bancárias, foi chamado de “Desenrola” dos pequenos negócios tem como foco os microempreendedores individuais (MEIs), microempresas e pequenas empresas com faturamento bruto anual de até R$ 4,8 milhões.


As negociações terão juros abaixo dos praticados pelo mercado, com descontos às empresas. Espera-se assim auxiliar as cerca de 6,3 milhões de micro e pequenas empresas, inadimplentes em janeiro de 2024, segundo o Serasa Experian.


Para que essas dívidas sejam negociadas, elas serão asseguradas pelo Fundo de Garantia de Operações (FGO), que garantirão o pagamento da dívida aos credores, mesmo que as parcelas negociadas não sejam quitadas. O valor poderá ser renegociado até o fim de 2024. Quem está inadimplente no Pronampe poderá renegociar as dívidas com os banco.


Empresas que tenham mulheres empresárias como sócias majoritárias ou empreendedoras terão um limite da concessão de crédito, em um valor que represente 50% do faturamento bruto anual.


Assim como o Desenrola Brasil, voltado para as pessoas físicas, sua empresa pode se beneficiar desse programa, já que é um bom momento para cobrar pessoas juridicas inadimplentes dentro da faixa indicada.


Assim, você pode sistematizar a sua cobrança para poder cobrar aqueles clientes que estão inadimplentes e, pegando o ganho o Desenrola e pensando em uma campanha específica para receber mais. Para isso, colocamos aqui novamente o passo-a-passo que vai ajudar você:


1. Organize a sua carteira de clientes inspirado no Programa, ou seja, por valor da dívida, por origem do crédito e por data da inadimplência.


2. Faça a higienização e o enriquecimento de dados dos seus clientes para garantir que falará com a pessoa certa em poucas ligações/e-mails.


3. Segmente seus clientes e separe seus operadores de cobrança de acordo com suas metas de atendimento e recuperação.


4. Foque nas dívidas mais recentes da sua carteira, quando o cliente se lembra da dívida fica mais fácil convencê-lo de pagar. 


5. Ofereça prazos especiais para dívidas grandes, focando em recuperar o consumidor para usar crédito novamente no futuro.


6. Planeje descontos para dívidas menores de forma que fique irresistível pagar o que se deve em troca de ter o nome limpo no mercado a curto prazo. 


7. Monitore tudo! Usando um Sistema de Cobrança você consegue acompanhar o avanço da sua equipe de negociação e avaliar se as estratégias estão dando certo! 



Até a próxima! 




segunda-feira, 6 de maio de 2024

Como limpar o cache do seu navegador


By Equipe CEDRUS - 06/05/2024


O recurso de cache dos navegadores é importante para agilizar o processo de abertura das páginas.

Uma vez que você entra em algum site ou sistema online, o navegador armazena os dados daquela página em seu computador. No próximo acesso a esse mesmo site, seu navegador utiliza os arquivos locais para que a página seja aberta mais rapidamente.

Porém, em algumas situações, você precisa forçar a limpeza desse cache para obrigador o navegador baixar novamente as páginas atualizadas dos sites.

Segue abaixo um passo a passo explicando como fazer a limpeza do cache de acordo com o navegador que você utiliza:


Google Chrome

Para limpar o cache do seu navegador Google Chrome, siga os seguintes passos:

1) Abra o navegador Google Chrome
2) No teclado, aperte junto as 3 teclas: CTRL + SHIFT + DEL. A seguinte tela deve abrir para você:



3) Nessa tela, escolha “Todo o período”. Depois, selecione apenas a opção “Imagens e arquivos armazenados em
cache”. Clique em “Remover Dados”, conforme imagem abaixo:





Firefox

Para limpar o cache do seu navegador Mozilla Firefox, siga os seguintes passos:

1) Abra o navegador Mozilla Firefox
2) No teclado, aperte junto as 3 teclas: CTRL + SHIFT + DEL. A seguinte tela deve abrir para você:




3) Nessa tela, escolha a opção “Tudo”. Depois, selecione apenas a opção “Cache”. Clique em “OK”, conforme imagem abaixo:












segunda-feira, 29 de abril de 2024

O que é CRM de cobrança?

 




By Equipe CEDRUS - 29/04/2024


Cobrança é uma parte do relacionamento cliente-empresa; ela faz parte do processo. O cliente já está acostumado a pagar boletos, mas isso não quer dizer que ele não esqueça de pagar. É por isso que a inadimplência, assim como a cobrança, faz parte da sociedade que vivemos.


Fazer uma cobrança com tranquilidade e de modo respeitoso garante um bom relacionamento, não apenas para a pessoa física como também para uma empresa. É nessas horas que ter um sistema de cobrança faz toda diferença. Sistema de cobrança ou CRM de cobrança é uma ferramenta de gestão dos clientes inadimplentes. Ele agiliza o trabalho, concentrando tudo em um só lugar. Diferente do sistema de gestão de empresas (ERP), ele não está envolvido na venda, mas pode ser usado após a emissão de boleto. Ele faz isso enviando mensagens de lembrete de vencimento de contas, faturas ou parcelas (via SMS, WhatsApp e/ou e-mail). 


Usando CRM de cobrança as empresas organizam:


  • toda a lista de clientes inadimplentes, 
  • títulos vencidos e a vencer, 
  • formas de contato, 
  • controle e histórico de negociações, 
  • envio de ações automáticas,
  • atualização de dívidas em um clique.


Além disso, é possível ter acesso a relatórios que permitam uma visão real da carteira inadimplente e dados suficientes para pensar em novas estratégias.


Tudo isso traz agilidade, assertividade e automação para seu processo de cobrança. Pode-se criar o seu próprio sistema de cobrança, mas é possível também terceirizar. Escolher um CRM de cobrança é interessante pois evita que você tenha que criar um sistema do zero, economizando a contratação de desenvolvedores de software, a compra de licença, atualizações, a aquisição e atualização de servidor próprio, entre outros trâmites. Contratando um  bom sistema, você economiza não apenas dinheiro, mas tempo no processo.


Então, como escolher um bom CRM de gestão em cobrança disponível no mercado?


Mas você sabe como escolher um bom sistema de cobrança? Aqui vão algumas dicas:


  • verifique preço: não é apenas o valor mais baixo, mas o que ele entrega com esse valor. Um sistema com bom custo-benefício traz economia para o seu processo, melhorando os resultados da empresa.
  • funcionalidades: sempre é bom verificar quais funções o sistema permite que você use. Uma funcionalidade é a régua de cobrança automatizada. A régua de cobrança nada mais é do que contatos padronizados e disparados de forma automática como o envio de e-mail, SMS, WhatsApp, onde vocês definem o período e personalizam os textos de cada ação. Não é porque a pessoa atrasou um dia o pagamento que seu nome será negativado, mas, algumas providências podem e devem ser tomadas para que esse pagamento aconteça o mais rápido possível. 


Quanto mais clara e rápida é a comunicação entre o credor e o cliente inadimplente, mais rápido os valores são pagos. Quanto menos tempo leva para uma dívida ser liquidada, menos custosa é a sua operação. 


A régua de cobrança, de forma resumida, consiste em configurar o sistema para, a partir do vencimento, tomar ações de forma automática e em massa com todos os títulos vencidos, como:


  • 5 dias após o  vencimento > enviar um e-mail lembrando que o boleto não foi pago
  • 10 dias após o vencimento > SMS cobrando o pagamento o mais rápido possível
  • 15 dias após o vencimento > contate via telefone o devedor 
  • 30 dias após o vencimento > encaminhe os arquivos de negativação para os orgãos de proteção ao crédito. 


Outra funcionalidade muito importante para um bom CRM de cobrançaé geração de boleto pelo sistema com o seu banco e a integração com plataformas de pagamento. Ao acessar o seu sistema de cobrança é possível fazer a negociação com seu cliente, gerar boletos registrados, receber as informações da plataforma de que foi pago ou não. Ao acessar o seu sistema de cobrança é possível fazer a negociação com seu cliente, gerar boletos registrados nos bancos, receber as informações do banco de que foi pago ou não. 


Gostou de saber mais sobre o assunto?




sábado, 30 de março de 2024

Resolução n. 6 do Bacen: o que é e quais foram as mudanças









Sempre gostamos de trazer informações atualizadas, trazemos uma informação que tem muito impacto sobre as informações bancárias e como isso impacta nas fraudes.


Em maio de 2023 foi anunciada nova medida do Bacen (Banco Central), para compartilhamento de informações sobre suspeitas de fraudes. Ela entrou em vigor a partir de 1º de novembro do ano passado.


Na prática, o Bacen obriga as empresas a compartilhar dados e informações sobre indícios de fraudes entre as instituições financeiras. Ela obriga as empresas a criar bases de dados que facilitem esse compartilhamento. Isso acontece pois tem havido um aumento expressivo de fraudes e golpes digitais no Brasil.


O que é preciso para cumprir a normativa?


Como mencionado, as instituições precisam compartilhar, utilizando um sistema eletrônico, dados sobre ocorrência de fraudes. Para isso, elas devem oferecer um mínimo de informações e garantir o consentimento dos clientes sobre o registro e uso de dados. De modo a garantir a segurança dos dados, os bancos devem assegurar o cumprimento da normativa, passando por auditorias.


Os dados ficam disponíveis no Banco Central por 10 anos. Pode ser considerado indício de fraude, toda reprovação cadastral ou transacional que seja resultante de uma desconfiança de fraude.


O consentimento de quem está passando os dados deve ser cuidadoso. Isso porque ainda está em vigor a LGPD (lei geral de proteção de dados pessoais), que prevê o sigilo e a proteção dos dados pessoais.


Quem deve cumprir?


A regulamentação deve ser seguida por todas as empresas que operam no mercado financeiro: bancos, instituições de pagamentos e outras autorizadas pelo Bacen. Administradoras de consórcio estão isentas.


Com essas medidas, o Bacen pretende criar um ambiente mais seguro nas transações financeiras, dividindo responsabilidade no combate a fraudes. No país, 95% das transações são feitas por meio digital, especialmente celular. Esse número cresceu especialmente durante a pandemia, quando as pessoas ficaram impossibilitadas de ir pessoalmente aos bancos. O acesso e a facilidade aumentam o número de golpes e fraudes, que duplicaram nos últimos dois anos, segundo dados do Serasa. 


Já falamos sobre esse tema nos textos:


Como evitar fraudes de pagamentos por boletos falsos


Prevenção a fraude - agregando valor ao seu negócio


Boleto registrado garante prevenção a fraudes



https://www.sistemadecobranca.com.br:442/?utm_source=blog&utm_medium=organica&utm_campaign=bunner


sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Por que a inadimplência dos clientes impacta uma empresa?



By Equipe CEDRUS - 23/02/2024


Se o cliente não paga a conta? Quem paga o prejuízo? A falta de recebimento pontual, ou recorrente, de pagamentos pode acarretar sérias repercussões na estabilidade financeira da empresa que cede o crédito, gerando transtornos e custos adicionais para a recuperação de títulos em atraso.


A inadimplência pode ter um impacto significativo nas finanças dos consumidores e das empresas também. Alguns indicadores mostram como essa questão pode afetar o desempenho financeiro de pequenas e médias empresas que vendem a prazo, parcelado ou faturado e lutam para receber o pagamento por produtos e serviços. 


Aumento do endividamento


Empresa também se endivida, sabia? A inadimplência dos clientes pode levar as empresas a buscarem empréstimos e financiamentos para cobrir o fluxo de caixa comprometido, aumentando o endividamento e os custos financeiros.


Redução da lucratividade


A falta de recebimento de valores devidos pode diminuir a lucratividade da empresa, pois ela terá custos para prestar o serviço ou fornecer o produto, mas não receberá o pagamento devido. Isso impacta o fluxo de caixa e, claro, os lucros das empresas também.


Dificuldades de investimento


Com a falta de recursos devido à inadimplência, as empresas podem enfrentar dificuldades em realizar investimentos importantes para o crescimento e a expansão dos negócios. Fica complicado melhorar a operação, buscar melhores fornecedores e fazer pesquisas de satisfação com os clientes sem investimento para isso.


Queda na produção


A inadimplência pode levar a uma redução na produção, uma vez que a empresa pode não ter capital suficiente para adquirir insumos e matéria-prima. Quem empreende sabe que fazemos o impossível para não cair o serviço, mas sem caixa fica complicado. 


Aumento da insegurança financeira


A falta de previsibilidade nos recebimentos deixa a empresa em situação de maior vulnerabilidade, dificultando o planejamento financeiro e a tomada de decisões estratégicas. Sem cobrar devidamente os clientes num ritmo eficiente fica complicado saber quando a empresa consegue receber pelos produtos entregues e serviços prestados. 


Risco de falência


A inadimplência prolongada e não gerenciada adequadamente pode levar a empresa à falência, especialmente em casos de elevados níveis de endividamento e dificuldade de recuperação dos créditos. Por isso é importante diversificar a carteira de clientes para não ficar dependendo de uma grande venda para fechar o mês! 


Para evitar os impactos negativos da inadimplência, é essencial que as empresas adotem estratégias eficazes de gestão de cobranças, incluindo ações preventivas, negociação ativa com os devedores e a utilização de ferramentas tecnológicas, como sistemas de cobrança, para melhorar a eficiência do processo e minimizar a inadimplência.


Por hoje é só, até a próxima! 



Sistema de cobrança




quinta-feira, 8 de fevereiro de 2024

Configurações do CREDISIS para emissão do boleto

  Como configurar o seu boleto no sistema de cobrança CEDRUS

By Equipe CEDRUS - 08/02/2024

Conheça as informações necessárias para configurar a emissão de boletos pelo CREDISIS no CEDRUS:

Dados da conta


  • Agência:  4 dígitos
  • Conta: pode ter até 8 dígitos
  • Dígito Conta: apenas 1 dígito

Dados do boleto


  • Carteira: 18 | Carteira 18
  • Espécie: Duplicata Mercantil ou Duplicata de Serviço são as mais utilizadas
  • Aceite: N
  • Moeda: R$
  • Nosso Número: máximo de 6 dígitos (informado pelo banco)
  • Número da Operação: fornecida pelo Banco
  • Convênio: fornecida pelo Banco

  • Nome do beneficiário: incluir o nome do beneficiário
  • CNPJ beneficiário: incluir o CNPJ do beneficiário
  • Endereço beneficiário: incluir o endereço do beneficiário

Instruções


  • Local de Pagamento: PAGÁVEL EM QUALQUER BANCO ATÉ O VENCIMENTO
  • Instruções de Caixa: APÓS VENCIMENTO COBRAR MULTA DE #MULTA# E MORA DIÁRIA DE #JUROS# (caso não tenha Juros ou Multa, deixar em branco.)
  • % Juros ao dia: preencher o % de juros (caso não tenha deixe em branco)
  • % Multa: preencher o % da multa (caso não tenha deixe em branco)
  • Instruções de Protesto: se for enviar protesto ao banco, marcar esta opção e preencher o número de dias após o vencimento em que o Protesto deve ser enviado.

Configurações do arquivo bancário


  • Nº Sequencial do Arquivo: 1
  • Nome Arquivo: CREDISIS_ddmmyyyy.txt 
    (LEGENDA: dd para Dia mm para Mês e yyyy para Ano da geração do arquivo)
  • Layout do arquivo: CNAB240 



Sistema de Cobrança

Configurações do Banco Inter para emissão do boleto

 Como configurar o seu boleto no sistema de cobrança CEDRUS

By Equipe CEDRUS - 08/02/2024

Conheça as informações necessárias para configurar a emissão de boletos pelo Banco Inter no CEDRUS:

Dados da conta


  • Agência: 0001
  • Conta: pode ter até 8 dígitos
  • Dígito Conta: apenas 1 dígito

Dados do boleto


  • Carteira: fornecida pelo Banco 
  • Espécie: Duplicata Mercantil 
  • Aceite: N
  • Moeda: R$
  • Nosso Número: máximo de 9 dígitos (informado pelo banco)
  • Número da Operação: fornecida pelo Banco

  • Nome do beneficiário: incluir o nome do beneficiário
  • CNPJ beneficiário: incluir o CNPJ do beneficiário
  • Endereço beneficiário: incluir o endereço do beneficiário

Instruções


  • Local de Pagamento: PAGÁVEL EM QUALQUER BANCO ATÉ O VENCIMENTO
  • Instruções de Caixa: APÓS VENCIMENTO COBRAR MULTA DE #MULTA# E MORA DIÁRIA DE #JUROS# (caso não tenha Juros ou Multa, deixar em branco.)
  • % Juros ao dia: preencher o % de juros (caso não tenha deixe em branco)
  • % Multa: preencher o % da multa (caso não tenha deixe em branco)
  • Instruções de Protesto: se for enviar protesto ao banco, marcar esta opção e preencher o número de dias após o vencimento em que o Protesto deve ser enviado.

Configurações do arquivo bancário


  • Nº Sequencial do Arquivo: 1
  • Nome Arquivo: CI400_001_00sssss.REM
  • Layout do arquivo: CNAB400 



Sistema de Cobrança


Copyright © RDZ Sistemas - Sistema de Cobrança
Bloggertheme9