Facebook Google

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Como lidar com a inadimplência em pequenas e médias empresas?



A inadimplência é um tema difícil, ainda mais para pequenas e médias empresas. Recuperar dívidas vencidas e não pagas pelos clientes, muitas vezes, se torna um fardo pela falta de tempo ou de preparo. Por isso muitas empresas terceirizam esta atividade com assessorias especializadas, enquanto outras vão tratando internamente a questão.

Contudo, mesmo antes de pensar na inadimplência como um questão final, é necessário pensar também no início do processo: a venda. Esta é uma estratégia importantíssima para controlar e reduzir riscos de inadimplência. Aproveite e veja o post “A importância da gestão de crédito no controle da inadimplência”.

Após organizar, ou até mesmo melhorar, os processos de vendas a empresa pode e deve concentrar-se na organização e sistematização dos seus processos de cobrança. Parece complicado, mas mesmo um negócio pequeno pode ter processo de cobrança organizado e eficaz, melhorando ainda mais os seus resultados.

Controles manuais podem ocasionar erros. Um sistema de cobrança pode te ajudar a colocar em ação suas estratégias. A automatização deste processo pode trazer mais tranquilidade, organização, agilidade e resultados efetivos diretamente para o caixa da empresa.

Veja alguns pontos importantes e que podem melhorar sua gestão em cobrança:


  • Utilize ações automáticas: estas ações dão agilidade ao processo e também garantem sua continuidade, pois não dependem de atividades manuais. Por exemplo: envio de cartas, SMS, e-mail ou até mesmo o envio para negativação em momentos determinados.

    • Envio de lembrete: é possível parametrizar o sistema para que todos os clientes recebam um email ou um SMS de lembrete antes do vencimento do boleto.


    • Envio de cobrança: se o pagamento não for efetuado, é possível usar estes meios de contato (SMS, e-mail ou carta) também para efetivar as ações de cobrança em período de inadimplência diferentes e com textos específicos.

  • Envie boletos rapidamente: emita diretamente pela sistema o boleto bancário, aproveitando o momento da negociação para imprimir ou enviar os boletos por e-mail, e depois efetue a baixa dos pagamentos destes boletos no sistema com os arquivos disponibilizados pelo banco.


  • Controle as negociações: tenha em uma única base todas as negociações, permitindo que sejam consultadas, alteradas as datas de vencimento ou até mesmo canceladas.


  • Contatos telefônicos: defina em que momento a sua equipe deverá entrar em contato com os clientes inadimplentes. Por exemplo, se a quantidade de clientes for pequena, serão duas vezes por semana e direcionada a devedores com 20 dias de atraso ou mais, pois todos eles já receberam ações automáticas e já sabem do que se trata o contato.


  • Políticas de cobrança: diminua os erros parametrizando o sistema com as políticas utilizadas pela empresa e deixe que o sistema faça automaticamente os cálculos para atualização da dívida, considerando a quantidade máxima de parcelas e o desconto máximo permitido, de acordo com esta parametrização.

A vida da sua equipe pode ser fácil e leve. Por isso, pense em processos contínuos e automáticos para que eles tenham mais tempo e estejam livres para focar nas negociações com os inadimplentes quando for necessário. Um sistema de cobrança ajuda muito neste momento, conheça o post “Por que um bom sistema de cobrança pode melhorar os seus resultados”.

Pequenas e médias empresas podem sim ter bons processos de cobrança utilizando estratégias e métodos de grandes empresas para melhorar os seus negócios.

Até a próxima!

Sistema de Cobrança


0 comentários:


Copyright © RDZ Sistemas - Sistema de Cobrança
Bloggertheme9